fbpx

Para melhor visualização do site, utilizar navegador Google Chrome.

Blog

Que São Bagaço proteja a nós, palhaços e palhaças

10 de dezembro de 2020
Tempo de leitura: 1 minutos

Raul Figueiredo

Ator, palhaço e professor. Atua como Dr. Zapatta Lambada na Doutores da Alegria, em São Paulo, desde 1995.

Comentario 0
Compartilhar 10

Hoje é o dia do palhaço.

Fazemos parte da mesma matéria, escrevemos neste momento nossa versão da história. Nossas esquetes, cenas, vídeos, peças, posts e memes trazem sempre uma reflexão. Sabemos que um bom texto captura a plateia, ficamos rendidos, suspensos e presentes.

O velho exercício da porta. Estar presente, ser presente, se desembrulhar frente ao público revelando as mazelas da humanidade, rindo da própria desgraça, deste ser vulnerável e limitado que somos. Sem perder a fé em nossa capacidade de encantar a plateia.

Escuta e paciência. Resiliência e resistência. Distraídos venceremos, atravessando e atravessados. Que São Bagaço proteja a nós, palhaços e palhaças. Oremos:

“São Bagaço, São Bagaço
Santo, santo do palhaço
Me proteja no que eu faço
Mesmo sendo um fracasso

Eu provoco em cada espaço
Acompanho a humanidade
Espelhando a cada passo.

Sei que erro mais que acerto
Isso, às vezes, dá um cansaço
São Bagaço, São Bagaço

Santo, santo do palhaço
Me inspire no que eu faço
Principalmente no fiasco”
(Oração de São Bagaço – Dr. Zappata Lambada)



Categorias


Lá do arquivo

Raul Figueiredo

Ator, palhaço e professor. Atua como Dr. Zapatta Lambada na Doutores da Alegria, em São Paulo, desde 1995.


Postado em:

Alegria nas relações

Tags

desgraça, dia do palhaço, máscara, palhaço, plateia, resiliência, São Bagaço

Deixe um comentário

avatar
  Receber notificação  
Notificação de
Existe 0 Comentário.