Para melhor visualização do site, utilizar navegador Google Chrome.

Blog

Projeto Plateias Hospitalares comemora 10 anos com mostra no Sesc Tijuca

31 de julho de 2019
Tempo de leitura: 2 minutos

Doutores da Alegria

Comentario 0
Compartilhar 17

Enxergar os hospitais como palcos possíveis para diversas formas de arte: foi com essa premissa que Doutores da Alegria idealizou o Plateias Hospitalares no Rio de Janeiro. Em 2019, comemoramos dez anos do projeto.

Para celebrar e fomentar a discussão sobre a importância da cultura e sua relação com a saúde, realizaremos a Mostra Plateias Hospitalares 10 anos entre 12 e 15 de setembro no Sesc Tijuca, no Rio de Janeiro.

Gratuita e aberta ao público, a Mostra convida a sociedade a experimentar o Plateias Hospitalares, que de forma pioneira inaugurou um circuito hospitalar permanente de artes no Rio de Janeiro. Uma exposição fotográfica conta a história dos dez anos do projeto e espetáculos que já circularam por hospitais, como “Juvenal, Pita e o Velocípede”, da Cia Pandorga de Teatro, e “Poesia ao Pé do Ouvido”, da Cia de Teatro Íntimo, serão apresentados ao público. Uma palestra com Wellington Nogueira, fundador do Doutores da Alegria, e uma roda de conversa sobre arte e saúde também fazem parte da programação da Mostra.

A agenda completa da Mostra Plateias Hospitalares 10 anos será divulgada em breve.

Sobre o projeto

Ao longo dos anos o Plateias Hospitalares foi se estruturando e criando uma metodologia própria, que vai da curadoria dos espetáculos à preparação artística; da montagem da programação à rotina de apresentações. Inspirado no programa americano Hospital Audiences, o desenvolvimento do projeto no Brasil, especificamente em hospitais públicos e periféricos do estado do Rio de Janeiro, trouxe peculiaridades e aprendizados únicos.

Levar um cortejo musical para idosos acometidos pela hanseníase em um antigo hospital-colônia, visitar uma ala de pacientes com tuberculose e ver a estreia de um espetáculo acontecer numa enfermaria foram alguns dos momentos emocionantes que marcaram a história do Plateias Hospitalares.

“Misturar as linguagens da arte e da saúde, criando diálogo entre elas é uma maneira de pensar questões sociais de maneira multidisciplinar. Sabemos que a arte, como fruição, tem impacto positivo no bem-estar de pacientes e profissionais de saúde, que se encontram em ambiente de grande estresse e tristeza.” Silvia Contar,
coordenadora do Plateias Hospitalares

A cada um ano e meio, Doutores da Alegria abre um edital público, convidando artistas locais a experimentar o hospital como palco de atuação. Entre as linguagens artísticas que se adaptam ao espaço hospitalar estão o teatro, a música, o circo, a dança e a poesia.

Os espetáculos se adaptam ao espaço hospitalar, assim como o projeto se adaptou à cidade, inaugurando um circuito hospitalar permanente de artes no Rio de Janeiro.



Categorias


Lá do arquivo

Deixe um comentário

avatar
  Receber notificação  
Notificação de
Existe 0 Comentário.